Knight Center
Knight Center

JOURNALISM IN THE AMERICAS Blog

Cuba acusa jornalista da Reuters de espionagem



ATUALIZAÇÃO ABAIXO

A TV estatal cubana acusou um ex-chefe de redação da Reuters de espionagem, por supostamente ter atuado como intermediador para a CIA, informou a Associated Press.

Anthony Boadle, que hoje é editor da Reuters em Washington, trabalhou para a agência de notícias em Cuba entre 2002 e 2008, período durante o qual teria publicado matérias" favorecendo" opositores locais e servindo "aos interesses dos EUA e da União Européia", segundo a TV cubana.

As acusações contra Boadle foram feitas no programa "Razões de Cuba", que aborda supostos complôs contra o país. A maioria dos episódios mais recentes tratou da dita "ciberguerra" dos EUA contra a ilha, explicou a AP.

A imprensa oficial cubana frequentemente chama a estrangeira de tendenciosa. O Granma, jornal do Partido Comunista, criticou, em fevereiro, um editorial do Wall Street Journal intitulado "Será Cuba o próximo Egito?". A CNN em Espanhol também foi criticada por divulgar que protestos semelhantes aos realizados no Egito estariam sendo planejados em Havana. As manifestações, porém, nunca aconteceram.

Além disso, em janeiro, a CNN em Espanhol foi banida da TV paga cubana, disponível em hotéis e para estrangeiros.

ATUALIZAÇÃO: Na terça-feira, a Reuters negou as acusações contra Boadle, informou a Associated Press.

"A Reuters nega as alegações apresentadas, apoiando-se em seus 160 anos de trabalho preciso e imparcial em Cuba e no mundo todo", disse Erin Kurtz, porta-voz da Thomson Reuters, citado pela Associated Press.


Other Related Headlines:
» Centro Knight (Ex-presidente dos EUA Jimmy Carter se reúne em Havana com blogueiros cubanos)

Newsletter

Subscribe to our weekly newsletter "Journalism in the Americas"

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign