Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Membro do governo argentino abre processos milionários contra jornalistas



Doisjornalistas argentinos são alvo de uma ação movida pelo titular da Administração Federal de Receitas Públicas (AFIP), Ricardo Echegaray, informou o Clarín. Matías Longoni e Luis Majul são acusados de difamação por diferentes causas, acrescentou o jornal. Echegaray pede 1,4 milhões de pesos argentinos (cerca de 275 mil dólares) de indenização a cada um.

O Fórum de Jornalismo Argentino (Fopea) condenou o processo e disse ser uma contradição que um membro de um governo que promove a despenalização dos crimes de difamação, calúnia e injúria abra processos abusivos, disse a organização em seu portal.

Segundo o Fopea, Longini fez investigações sobre irregularidades na concessão de subsídios por um extinto escritório dirigido por Echegaray até 2008. Já Majul reclamou de pressões fiscais contra sua produtora de TV pela AFIP.

O advogado Enrique Piragini apresentou denúncia contra Ricardo Echegaray por abuso de autoridade e violação da ética pública, informou o portal Perfil. Para ele, os processos são "demonstrações clara de perseguição e autoritarismo, seguramente motivas pela impunidade da qual vem usufruindo o membro do governo, envolvido em gravíssimas irregularidades", acrescentou o porta.

 



No comments

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.


Assine o boletim semanal

Receba nosso boletim semanal sobre jornalismo nas Américas.

Escolha seu idioma:

English
Español
Português

Por favor, digite seu e-mail:

Facebook

Comentários recentes