Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Alunos de MOOC sobre infografia participam do Congresso Brasileiro de Jornais e visitam o Google Brasil



Alberto Cairo

Saber lidar com um ambiente disruptivo e estar atento aos novos recursos tecnológicos disponíveis são tarefas-chave para o jornalista do século XXI. Esta foi a lição destacada pelos oito alunos do recente curso online, massivo e aberto (ou MOOC, na sigla em inglês) do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas que ganharam uma bolsa para participar no 10º Congresso Brasileiro de Jornais e visitar as instalações do Google Brasil.

Graças ao apoio do Google, a Associação Nacional de Jornais (ANJ) e o Centro Knight ofereceram oito bolsas aos participantes com melhor desempenho nos projetos finais do MOOC “Introdução à Visualização de Dados e Infografia", ministrado por Alberto Cairo, especialista reconhecido internacionalmente neste campo e que desenvolveu um currículo original para o formato massivo do curso. O curso terminou no dia 26 de maio e atraiu mais de 3 mil participantes.

Os oito agraciados com a bolsa para viajar a São Paulo (quatro jornalistas, dois professores e dois estudantes de jornalismo) receberam certificados especiais durante um almoço no Congresso Brasileiro de Jornais. Os certificados foram entregues pelo presidente da ANJ, Carlos Fernando Lindenberg Neto, pelo presidente do Google Brasil, Fábio Coelho, e pelo diretor do Centro Knight, Rosental Calmon Alves. Veja abaixo um album de fotos da entrega dos certificados especiais.

Para o jornalista Rogério Moreira Jr., do jornal Noticias do Dia, de Santa Catarina, que ganhou a bolsa com um projeto de visualização dos dados sobre circulação dos jornais impressos no mundo, "foi interessante acompanhar [no Congresso Brasileiro de Jornais] como algumas ações tomadas dentro dos jornais acabam aproximando os fluxos de trabalho de arte e tecnologia dos tradicionais ofícios de redação e edição".

Sobre a visita à sede do gigante de buscas, o jornalista da Gazeta do Povo Leandro Luiz dos Santos, outro participante contemplado com a bolsa, ressaltou que o melhor da experiência foi poder constatar 'in loco' o ambiente descontraído da empresa e ver a apresentação sobre ferramentas do Google que facilitam a produção de matérias envolvendo dados e localização geográfica.

Alberto Cairo

"A participação no CBJ permitiu que conhecêssemos os recursos usados pelos veículos de comunicação do país na tentativa de estar cada vez mais perto do leitor. Em tempos de crise na circulação dos jornais impressos, ter contato com a experiência dos colegas contribui para possamos ter novas ideias para manter os leitores e, até mesmo, ampliar o público do jornal", acrescentou Leandro dos Santos. 

Cerca de cem participantes do MOOC se candidataram à bolsa. Além de Moreira e Santos, outros dois escolhidos para a bolsa trabalham em jornais, dois são professores de jornalismo e os outros dois, estudantes. Veja a lista abaixo dos oito participantes e seus trabalhos:

  • Marilice Amábile Pedrolo Daronco (Jornal Diário de Santa Maria/RS): “Onde o crime faz morada” - Dados sobre criminalidade na região central do Rio Grande do Sul

  • Maria Carolina Maia Monteiro (Diario de Pernambuco/PE): “Greve da PM” - Mapa das ocorrências registradas durante a greve de policiais e bombeiros militares de Pernambuco em maio de 2014

  • Leandro Luiz dos Santos (Gazeta do Povo/PR): “Circulação de jornais no mundo” - Ranking da circulação dos jornais impressos nos países desenvolvidos, nos países em desenvolvimento e especificamente no Brasil.

  • Julia Rabetti Giannella (Estudante de jornalismo/Universidade de São Paulo): “As viagens de Cabral e Pezão” - Infografia sobre o número e custo dos trechos percorridos em aeronaves do governo do Rio de Janeiro

  • Amaro Xavier Braga Junior (Professor de Jornalismo/Universidade Federal de Alagoas): “A máscara do preconceito” - Infografia sobre a presença de personagens negros nos quadrinhos da Marvel Comics

  • Ângela Prestes (Estudante de Jornalismo/Universidade de Passo Fundo): “A energia que vem dos ventos” - Infografia com um ranking dos investimentos em energia eólica em diferentes países do mundo

O MOOC de quatro semanas procurou ajudar os participantes a trabalhar com gráficos para comunicar e analisar dados. Mesmo aqueles que não tinham experiência anterior na área, puderam adquirir habilidades suficientes para começar a produzir infográficos simples e convincentes. Na seleção para as bolsas, foram escolhidos candidatos que cumpriram todos os requisitos do curso, demostraram que o MOOC os ajudou no desenvolvimento de suas infografias e tiveram os trabalhos finais mais bem avaliados pela originalidade, qualidade de execução e apresentação dos dados.

Este foi o segundo programa de treinamento online oferecido numa parceria entre a ANJ e o Centro Knight da Universidade do Texas. O primeiro foi um curso online regular sobre jornalismo de dados, ministrado pelo professor José Roberto de Toledo e sua equipe do Estadão Dados. E este foi o segundo MOOC oferecido pelo Centro Knight com apoio do Google - o primeiro foi um curso sobre "Projetos Jornalísticos para a Web", em espanhol, no ano passado. 

O Centro Knight da Universidade do Texas em Austin já ofereceu doze MOOCs desde que lançou, em 2012, seu programa pioneiro e único no mundo de cursos online abertos e massivos especializados em jornalismo. A iniciativa já beneficiou mais de 50 mil pessoas de cerca de 160 países. Atualmente, o Centro oferece o curso em espanhol "Como usar ferramentas de jornalismo de dados".

A Associação Nacional dos Jornais reúne os principais diários do Brasil. A ANJ foi criada em 1979 para defender a liberdade de expressão, pensamento e propaganda, o funcionamento sem restrições da imprensa, observados os princípios de responsabilidade, e lutar pela defesa dos direitos humanos, os valores da democracia representativa e a livre iniciativa.

Google é uma empresa global líder em tecnologia que se dedica a melhorar as formas nas quais as pessoas se conectam com a informação. As inovações de Google na busca pela Internet e com publicidade fizeram de seu site um dos principais produtos da Internet e de sua marca, uma das mais reconhecidas do mundo.

O Centro Knight para o Jornalismo nas Américas foi criado em 2002 pelo professor Rosental Calmon Alves, titular da Cátedra Knight de Jornalismo e da Cátedra UNESCO de Comunicação na Escola de Jornalismo daUniversidade do Texas, em Austin. No passado, o Centro recebeu contribuições da Fundação John S. & James L. Knight e de outros doadores como a Open Society Foundations. Atualmente, o Centro opera graças ao apoio da Escola de Comunicação da Universidade do Texas em Austin e a doações do público em geral.



1 comentar

 
Daniel wrote 2 anos 34 semanas ago

Curso Infografia

Olá,

Tenho interesse neste curso, porém o Link para inscrição não esta funcionando. Poderiam verificar?

Muito Obrigado!

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.






Assine aqui a nossa newsletter semanal!

Nome Completo

Email *
Selecione as listas que deseja subscrever
Boletim Semanal (Português)

Boletín Semanal (Español)

Weekly Newsletter (English)
email marketing
by activecampaign

Facebook

Comentários recentes