Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Inscrições abertas para curso online gratuito em português sobre técnicas do jornalismo de dados



Saber lidar com dados se tornou uma habilidade essencial para jornalistas na era digital, onde a disponibilidade de informação e a demanda por precisão e transparência são crescentes. Apresentar as principais técnicas e ferramentas utilizadas no jornalismo de dados é o foco do mais novo curso online massivo e aberto (MOOC por suas iniciais em inglês) da Associação Nacional de Jornais (ANJ) e do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas, com o apoio do Google.

O curso "Técnicas Básicas do Jornalismo de Dados" será oferecido em português, dos dias 3 de agosto a 6 de setembro. Para conhecer o programa do curso e se inscrever, clique aqui

Seguindo a metodologia do data pipeline, os alunos vão examinar as técnicas presentes em cada etapa do fluxo de trabalho com dados - busca, raspagem, limpeza, análise e visualização -  e aplicadas em projetos publicados por grandes redações do mundo. Ao final do curso, os participantes terão as habilidades necessárias para trabalhar com bases de dados, extrair delas análises e produzir tabelas, gráficos, mapas e diagramas usando uma variedade de softwares, ferramentas web e scripts básicos de programação.

Alberto Cairo

O curso gratuito em português terá duração de cinco semanas e será ministrado pelos coordenadores da Escola de Dados, Marco Túlio Pires e Natália Mazotte, e pela repórter investigativa do jornal Houston Chronicle Lise Olsen. Os três instrutores já lideraram diversos treinamentos em jornalismo de dados no Brasil e em outros países.

"Estamos muito felizes por poder contar com três excelentes instrutores para dar este curso prático, capaz de equipar jornalistas, professores e estudantes de jornalismo com técnicas fundamentais para achar, processar e apresentar grande volumes de dados", disse o professor Rosental Calmon Alves, fundador e diretor do Centro Knight. "Estamos também muito felizes com esta nova parceria com a ANJ e com o apoio do Google. Este será o terceiro MOOC que fazemos juntos para beneficiar os jornalistas brasileiros". 

"Os participantes do MOOC terão um treinamento bem prático sobre como trabalhar com dados em um contexto jornalístico", explica o instrutor Marco Túlio Pires. "Hoje a informação, matéria-prima do nosso trabalho, circula em meios digitais e traz novas exigências aos profissionais de comunicação. Eles precisam adquirir habilidades de outras áreas, como ciência da computação, design e estatística. São essas habilidades que pretendemos mostrar aos nossos alunos em cinco semanas".

Além de conhecerem as principais técnicas do jornalismo de dados, participantes residentes no Brasil poderão concorrer a um programa especial em São Paulo: uma visita à sede do Google Brasil, onde participarão em um seminário presencial sobre jornalismo de dados. Serão oferecidas pelo menos seis bolsas a jornalistas, professores e estudantes de jornalismo. Graças ao apoio do Google, a ANJ e o Knight Center vão oferecer passagem, hotel e ajuda de custo aos bolsistas que venham de fora de São Paulo. Os bolsistas serão escolhidos dentre os alunos do MOOC que concluírem o curso e fizerem o melhor projeto de jornalismo guiado por dados.

Como todos os MOOCs anteriores do Centro Knight, este curso é dirigido principalmente a jornalistas, professores e estudantes de jornalismo, mas está aberto a todos. Qualquer pessoa do mundo com uma conexão à internet poderá fazê-lo. Tanto iniciantes que desejam entender o que é o jornalismo de dados e o contexto em que ele surge até pessoas já familiarizadas com o tema ou que já trabalham neste setor, como designers, desenvolvedores, programadores, editores ou outros interessados em mídias digitais podem participar. Não é necessário ter experiência prévia com conceitos ou ferramentas.

O curso só começa no dia 3 de agosto, mas os inscritos receberão acesso imediato à plataforma digital de ensino do Centro Knight, onde encontrarão programa detalhado do curso, informação introdutória e um vídeo dos instrutores explicando como funcionará o MOOC.

Este curso introdutório vai ensinar aos alunos técnicas como raspagem de dados, busca avançada, como obter dados com a Lei de Acesso à Informação, como limpar grandes bases de dados com programas como o Open Refine, o uso do Google Sheets para fazer análises e entrevistar os dados, e algumas das mais utilizadas ferramentas de visualização de dados disponíveis. 

O curso incluirá vídeos, apresentações em PowerPoint, materiais de leitura, exercícios e questionários. Como os outros MOOC do Centro Knight, estará dividido em módulos semanais que serão assíncronos, ou seja, sem aulas ou atividades ao vivo. Os estudantes podem escolher os dias e horários que lhes sejam mais convenientes para acompanhar o curso, mas cada módulo semanal tem prazos para a entrega dos questionários e a participação nos fóruns de discussão.

Embora o curso seja gratuito, os participantes que quiserem receber um certificado terão que pagar online uma taxa administrativa de 30 dólares por cartão de crédito. O certificado será emitido apenas para os alunos que participarem ativamente do curso e cumprirem com a maior parte dos requisitos, tais como questionários e exercícios. Os certificados serão baixados da internet em formato PDF depois que o Centro Knight comprovar que o participante cumpriu as obrigações do curso. Nenhum crédito de curso formal de qualquer tipo é associado ao certificado.

Este é o 15º MOOC oferecido pelo Centro Knight da Universidade do Texas em Austin desde que lançou em 2012 seu programa pioneiro e único no mundo de cursos online abertos e massivos especializados em jornalismo. A iniciativa já beneficiou cerca de 50 mil pessoas de mais de 160 países.

Este é o terceiro MOOC em português que o Centro Knight organiza em parceria com a ANJ, com o apoio do Google. O primeiro foi “Introdução à Visualização de Dados e Infografia” e o segundo foi "Introdução ao Jornalismo Móvel", ambos realizados em 2014.

A Associação Nacional dos Jornais reúne os principais diários do Brasil. A ANJ foi criada em 1979 para defender a liberdade de expressão, pensamento e propaganda, o funcionamento sem restrições da imprensa, observados os princípios de responsabilidade, e lutar pela defesa dos direitos humanos, os valores da democracia representativa e a livre iniciativa.

Google é uma empresa global líder em tecnologia que se dedica a melhorar as formas nas quais as pessoas se conectam com a informação. As inovações de Google na busca pela Internet e com publicidade fizeram de seu site um dos principais produtos da Internet e de sua marca, uma das mais reconhecidas do mundo.

O Centro Knight para o Jornalismo nas Américas foi criado em 2002 pelo professor Rosental Calmon Alves, titular da Cátedra Knight de Jornalismo e da Cátedra UNESCO de Comunicação na Escola de Jornalismo daUniversidade do Texas, em Austin. No passado, o Centro recebeu contribuições da Fundação John S. & James L. Knight e de outros doadores como a Open Society Foundations. Atualmente, o Centro opera graças ao apoio da Escola de Comunicação da Universidade do Texas em Austin e a doações do público em geral.



1 comentar

 
marcia braga wrote 1 ano 48 semanas ago

curso sobre técnicas de jornalismo de dados

Sou jornalista e professora no curso de Jornalismo da Funorte (Montes Claros/MG), e gostaria de fazer o curso online sobre técnicas de jornalismo de dados.

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.






Assine aqui a nossa newsletter semanal!

Nome Completo

Email *
Selecione as listas que deseja subscrever
Boletim Semanal (Português)

Boletín Semanal (Español)

Weekly Newsletter (English)
email marketing
by activecampaign

Facebook

Comentários recentes