Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Jornalista brasileira ganha prêmio "Reconhecimento da Excelência" da Fundação García Márquez



Dorrit Harazim. Foto: Cortesía FNPI.
 

A jornalista e editora brasileira Dorrit Harazim ganhou o "Reconhecimento da Excelência" do prêmio Gabriel García Márquez (GGM) de Jornalismo, segundo divulgou nesta quinta-feira, 22 de julho, a Fundação Gabriel García Márquez para o Novo Jornalismo Iberoamericano (FNPI), entidade organizadora.

O Reconhecimento da Excelência é dado todo ano a um jornalista ou equipe jornalística que se destaque por sua independência, integridade e compromisso com os “ideais de serviço público do jornalismo”, e que mereça a distinção por sua trajetória ou por um aporte excepcional à busca da verdade e ao avanço do jornalismo, segundo a página do prêmio.

Harazim foi escolhida por seus 50 anos de trajetória jornalística. Cobriu eventos históricos como a guerra do Vietnã, o apartheid na África do Sul, o golpe de Estado contra Salvador Allende no Chile e os atentados contra as Torres Gêmeas em Nova York. Também cobriu quatro eleições presidenciais nos Estados Unidos e todos os Jogos Olímpicos desde 1980.

Harazim ajudou a fundar e editou as revistas Veja e Piauí. Veja é a principal revista semanal de notícias do Brasil, com uma tiragem de mais de um milhão de exemplares, e Piauí​ é uma revista especializada em jornalismo narrativo. Também trabalhou para o jornal Jornal do Brasil, e atualmente Harazim tem uma coluna no O Globo, jornal do Rio de Janeiro, onde escreve principalmente sobre política internacional, informou o periódico.

A jornalista se une à lista de ganhadores deste reconhecimento como Giannina Segnini (Costa Rica), Javier Darío Restrepo (Colombia) e Marcela Turati (México), sendo a primeira brasileira a ganhar o prêmio nesta categoria.

O Prêmio GGM de Jornalismo foi criado com o objetivo de “incentivar a busca da excelência, a inovação e a coerência ética” de jornalistas e meios que publiquem em espanhol ou português nos países das Américas e da península ibérica.

Além do Reconhecimento da Excelência, o GGM outorga prêmios nas categorias texto, imagem, cobertura e inovação desde 2013. Na edição deste ano, a organização avaliou 1.645 trabalhos.

Enquanto os ganhadores destas categorias são eleitos por jurados independentes, o Reconhecimento da Excelência é decidido pelo Conselho Reitor do prêmio, que este ano, por decisão unânime, escolheu Harazim.

O conselho é composto por Germán Rey, Mónica González, Jean-François Fogel, Jon Lee Anderson, Héctor Feliciano, Martín Caparrós, Sergio Ramírez, María Teresa Ronderos, Héctor Abad Faciolince, Joaquín Estefanía e Rosental Alves, diretor do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas.

O júri destacou a maneira de Harazim narrar os fatos e sua capacidade para “encontrar ângulos e aspectos que outros jornalistas deixam passar e para transportar o leitor pelos minuciosos e interessantes detalhes.”

Harazim receberá o prêmio no dia 30 de setembro, durante o Festival do Prêmio GGM na cidade de Medellín, Colômbia.




Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook