Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Site peruano de jornalismo investigativo lança iniciativa para promover uso da lei de transparência entre estudantes



Em seus dois anos de existência, o site peruano Convoca produziu reportagens investigativas com base na lei de transparência e acesso à informação que foram premiadas internacionalmente e até motivaram uma mudança legislativa no Peru. Agora, o Convoca vai usar sua experiência para ajudar a formar as próximas gerações de jornalistas investigativos fiscalizadores do poder público no país.

O site lançou no fim de agosto a iniciativa #ComunidadReporta, para fomentar entre estudantes de jornalismo o uso da lei para o acesso à informação pública, vigente no Peru desde 2003.

O objetivo é “unir jornalistas que ensinam o ofício e estudantes de jornalismo para promover o uso da lei de transparência nas aulas com o propósito de acessar informação pública para elaborar reportagens, bases de dados e aplicativos jornalísticos sobre temas urgentes para o Peru”, disse Aramís Castro, coordenador da iniciativa, ao Centro Knight.

A iniciativa surgiu da experiência do Convoca com o uso da lei em suas reportagens investigativas. Castro citou o especial “Excessos sem castigo”, que se baseou em cerca de 200 pedidos de informação a mais de 20 instituições públicas para revelar o comportamento ambiental das indústrias extrativistas no Peru.

Milagros Salazar, diretora do Convoca, disse ao Centro Knight que o especial publicado no fim de 2015 revelou o impacto social e econômico do artigo 19 da lei 30.230, no qual o governo do ex-presidente Ollanta Humala se baseou para perdoar mais de 30 milhões de soles (cerca de 9 milhões de dólares) em multas por infrações ambientais de mineradoras.

“Meses depois, o Congresso revogou este artigo polêmico, com base nos dados descobertos pelo Convoca. Isso demonstra que com perseverança, metodologia e um trabalho em equipe, a lei pode ser uma ferramenta efetiva para que jornalistas e estudantes possam contribuir para gerar mudanças e melhorar as políticas públicas”, disse Salazar.

Segundo Castro, embora a lei de transparência e acesso à informação vigore há 14 anos no Peru, “seu uso no campo jornalístico não tem sido constante”. Pela experiência do Convoca e o conhecimento do impacto que tais reportagens podem ter na vida pública do país, “decidimos convidar docentes que também exercem ou exerceram o jornalismo para que promovam desde suas aulas o uso da lei de transparência”, explicou.

Nesta primeira etapa, foram convidadas sete universidades de Lima, capital peruana, cujos docentes e estudantes participarão de oficinas oferecidas pelo Convoca sobre a lei de transparência e seu uso em projetos jornalísticos. Os participantes da #ComunidadReporta também terão o apoio dos membros do conselho consultivo da iniciativa, formado por jornalistas e professores peruanos e estrangeiros, entre eles Rosental Alves, diretor do Centro Knight e professor da Escola de Jornalismo da Universidade do Texas em Austin.

Segundo Salazar, a #ComunidadReporta em breve se estenderá a universidades de outras regiões do Peru e de outros países da América Latina. “A proposta é desenvolver um trabalho em rede, acessar a informação para contar histórias de alto interesse público”, disse ela. Também será elaborado um relatório anual para medir o nível de cumprimento da entrega da informação por parte das instituições estatais e sistematizar o aprendizado com a iniciativa.

“Para que a lei contribua para a vida das pessoas, temos que usá-la e aperfeiçoá-la com base na experiência e em casos concretos. O jornalismo é fundamental para que as autoridades prestem contas e para que exista uma transparência efetiva que permita o acesso a informação confiável que sirva aos cidadãos na tomada de decisões”, disse Salazar.








Assine aqui a nossa newsletter semanal!

Nome Completo

Email *
Selecione as listas que deseja subscrever
Boletim Semanal (Português)

Boletín Semanal (Español)

Weekly Newsletter (English)
email marketing
by activecampaign

Facebook

Comentários recentes