Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Painel principal do ISOJ vai debater a questão: os jornais estão em uma era pós-publicidade?



O ISOJ deste ano vai começar na sexta-feira, 13 de abril, com um painel principal que vai explorar a questão: estamos entrando em uma era pós-publicidade na mídia?

Sentido horário, da esquerda para a direita: Jim Moroney, Sara Glines, Earl Wilkinson, David Perpich e Jim Friedlich

Jim Moroney, presidente e diretor executivo da A. H. Belo Corporation, presidirá o painel principal e será acompanhado por quatro proeminentes líderes da mídia que se basearão em seus conhecimentos para discutir um tema cada vez mais relevante nos últimos anos.

Em novembro, o CEO do New York Times, Robert Thompson, disse que "podemos muito bem estar enfrentando um futuro em que se deve definir a receita dos impressos para zero, porque não será um exercício rentável fazê-los". Da mesma forma, Michael Wolfe, da Activate, disse recentemente: "Estamos alcançando excesso de saturação na publicidade, e vai se tornar mais difícil para as empresas de mídia aumentar preços e lucrar com isso".

"Adicione os problemas com publicidade digital, fraude de bots, ambientes inseguros, medições e métricas inconsistentes, visibilidade, dominância do Google e Facebook, ascensão da Amazon, CPMs sob pressão e você tem meios de comunicação procurando modelos comerciais diferentes dos baseados na publicidade", disse Moroney ao Centro Knight.

Moroney irá discutir este tema em maior profundidade com os quatro membros do painel principal:

  • Jim Friedlich, diretor executivo e CEO, Lenfest Institute for Journalism. Antes de ingressar no Lenfest Institute em setembro de 2016, Friedlich atuou como CEO da Empirical Media Advisors, uma empresa de consultoria voltada para a transformação digital das principais organizações de notícias. De 1990 a 2000, ele gerenciou as vendas globais de publicidade, marketing de consumo e desenvolvimento de negócios de um grande e diversificado grupo de jornais, revistas, websites, canais de TV a cabo e conferências ​da The Wall Street Journal e Dow Jones & Company.
  • Sara Glines, presidente e publisher do News & Observer e publisher regional para as Carolinas da McClatchy. Antes de ingressar na McClatchy, Glines era editora regional na Gannett e na Digital First Media e também foi presidente e publisher do York Daily Record de 2012 a 2016. Ela tem sido uma líder na indústria em mudanças transformacionais, principalmente na transição de jornais e revistas para o mundo digital para atender às necessidades em constantes mudanças do público e dos negócios que eles servem.
  • David Perpich, gerente geral e presidente do Wirecutter, do New York Times. Perpich executa todos os aspectos de liderança das operações comerciais e editoriais do site de recomendação de produtos do Times, WireCut. Anteriormente, Perpich atuou como vice-presidente sênior de produtos do Times e gerente geral da New Digital Products. Ele se juntou à empresa em 2010 como diretor executivo da Paid Products e foi responsável pelo lançamento do negócio de assinaturas digitais do Times.
  • Earl Wilkinson, diretor executivo e CEO da International News Media Association, uma comunidade global de empresas líderes do mercado que têm reinventado a forma de engajar o público e aumentado as receitas em um ambiente multimídia. Wilkinson escreveu vários relatórios e livros relacionados ao futuro da mídia, marketing e perspectivas estratégicas para a indústria de notícias. Durante suas quase três décadas com o INMA, com base em Dallas, ele ajudou a transformar a associação em uma das associações de imprensa de mais rápido crescimento e mais influentes do mundo.

Coletivamente, os panelistas vão avançar a conversa sobre publicidade e receita relacionada à mídia em 2018. Moroney prevê que o crescimento das assinaturas digitais pagas se tornará a maior prioridade dos jornais este ano.

"Os mais inteligentes perceberão que ninguém vai pagá-los pelo que eles podem obter gratuitamente em outros lugares. Então eles vão parar de reduzir suas redações para que possam publicar uma quantidade suficiente de jornalismo original e relevante que tenha valor pelo preço cobrado", escreveu Moroney recentemente em um artigo do Nieman Journalism Lab. "Talvez alguns até contratem jornalistas. Aqueles que ainda colocam publicidade digital na frente das assinaturas digitais pagas correm o risco de serem extintos. Os mais inteligentes continuarão a gerenciar o negócio dos impressos de forma a otimizar a lucratividade com que ele pode contribuir até que não seja mais rentável. Acelerar seu declínio seria um erro".

Esperamos que você se junte a nós no ISOJ para ouvir Moroney e os membros do painel principal explorarem esse tópico. Você pode encontrar nossa crescente programação de palestrantes aqui, e se inscrever aqui. As vagas são preenchidas rapidamente, por isso encorajamos a inscrição adiantada, antes que a conferência fique lotada. A taxa de inscrição com desconto está disponível até 28 de fevereiro.



Temas:


Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook