Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Aprenda como transformar dados em mapas usando GIS para aprimorar suas reportagens: inscreva-se no novo curso do Centro Knight




Quando bem feitos, mapas podem ajudar jornalistas a revelar e explicar tendências e padrões descobertos através do trabalho de reportagem.

No MOOC (Massive Online Open Course) mais recente do Centro Knight, dois desenvolvedores seniores do Texas Tribune vão ensinar como criar e utilizar mapas para fazer exatamente isso.

 

Darla Cameron, designer sênior e desenvolvedora, e Chris Essig, designer e desenvolvedor do Texas Tribune, vão ministrar o curso gratuito de quatro semanas intitulado "Introdução ao Mapeamento e GIS para Jornalistas".

O curso é oferecido graças ao apoio da Fundação John S. e James L. Knight e vai ocorrer de 27 de agosto a 23 de setembro, então se inscreva agora!

"Mapas podem ser bonitos e verdadeiros", disse Essig. "Quando leitores se deparam com mapas impressionantes, eles param para absorver os dados, entendendo seus padrões de um jeito memorável. Nesse curso, vamos ensinar como fornecer esse tipo de experiência para seus leitores, sejam eles quem forem."

Além de entender quais tipos de dados se traduzem em bons mapas, os alunos aprenderão a usar o software gratuito GIS (Geographic Information Systems) para explorar, analisar e visualizar dados em suas reportagens. Ao fim do curso, serão capazes de visualizar e sintetizar dados em mapas que podem ser publicados.

Cameron e Essig ministrarão o curso usando vídeo-aulas, leituras e exercícios, além de quizzes e fóruns de discussão.

"Mapas podem ajudar jornalistas a contar ótimas histórias, e nós ensinaremos o básico sobre como encontrar dados geográficos, analisá-los e exibi-los com eficiência", disse Cameron.

"Este curso ensinará aos alunos as melhores práticas para fazer mapas com o objetivo de contar histórias. Vai abranger conceitos geográficos importantes, como geocodificação e como analisar conjuntos de dados para criar mapas complexos", disse Mallary Tenore, diretora assistente do Centro Knight.

Por anos, o Centro Knight tem ajudado jornalistas ao redor do mundo a aprender sobre ferramentas e tecnologias de ponta para melhorar o jornalismo - por meio de cursos sobre visualização de dados, Python, d3, a linguagem de programação em R e muito mais.

"Esse MOOC sobre mapeamento é uma continuação desses esforços e uma grande chance para jornalistas desenvolverem novas habilidades de mapeamento e GIS e aprimorarem as habilidades que já têm", disse Tenore.

O curso é destinado a ajudar jornalistas, mas é aberto a qualquer um interessado em geografia, elaboração de mapas, visualização de dados e narrativas visuais. Não é necessária nenhuma experiência nesses assuntos, apenas a noção sobre como fazer uma boa história.

Os alunos precisam de conexão com a internet e um navegador web, assim como o aplicativo de sistema de informações geográficas QGIS.

O Texas Tribune, onde ambos os instrutores trabalham, é uma organização premiada e sem fins lucrativos que cobre política e políticas públicas no Texas.

Darla Cameron é uma desenvolvedora sênior de dados visuais no Tribune. Ela trabalhou anteriormente como editora gráfica no Washington Post, cobrindo a intersecção entre dinheiro e política. Ela também trabalhou como news artist no Tampa Bay Times e foi pesquisadora no Instituto Poynter. Ela ensinou mapeamento e gráficos na Universidade do Missouri e foi reconhecida por diversas organizações, incluindo a Society for News Design.

Chris Essig é desenvolvedor de dados visuais no Tribune. Ele anteriormente foi desenvolvedor no Gazette in Cedar Rapids, editor online no Waterloo-Cedar Falls Courier e professor adjunto na Universidade do Norte de Iowa, onde ensinou jornalismo de dados e multimídia.

Como em todos os MOOCs do Centro Knight, o curso é assíncrono, o que significa que as atividades podem ser completadas durante os dias e horários mais adequados aos alunos. Apesar disso, existem prazos recomendados para que os estudantes não fiquem atrasados.

A participação no curso é gratuita. No entanto, os alunos podem pagar uma taxa administrativa de US$ 30 para receberem um certificado de conclusão. O certificado fica disponível para download em formato PDF após o Centro Knight concluir o processo de revisão para garantir que o aluno tenha cumprido os requisitos. Nenhum crédito formal de universidade está associado a este certificado.

Inscreva-se agora no curso "Introdução ao Mapeamento e GIS para Jornalistas".

Sobre a Fundação John S. e James L. Knight

A Fundação Knight é uma fundação nacional com fortes raízes locais que investe no jornalismo, nas artes e no sucesso das cidades onde os irmãos John S. e James L. Knight publicaram jornais. Seu objetivo é promover comunidades informadas e engajadas, que acredita serem essenciais para uma democracia saudável. Para saber mais, visite kf.org.

Sobre o Centro Knight

O Centro Knight para o Jornalismo nas Américas foi criado em 2002 pelo professor Rosental Alves, que ocupa a Cadeira Knight de Jornalismo na Escola Moody de Comunicação, na Universidade do Texas, graças à generosa doação da Fundação John S. e James L. Knight. O programa de ensino a distância  do Centro Knight começou em 2003 e é financiado, em parte, pela Fundação Knight. Nos últimos seis anos, os MOOCs do Centro Knight alcançaram mais de 150 mil pessoas em mais de 175 países.




Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook