Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Jornalista equatoriano processado pelo presidente do país pede asilo nos EUA




Um jornalista equatoriano condenado a três anos de prisão e ao pagamento de uma milionária multa por difamar o presidente do país pediu asilo nos Estados Unidos, informou a BBC Mundo.

Emilio Palacio, ex-editor de opinião do jornal de oposição El Universo, fugiu para Miami em agosto de 2011. Palacio e os três proprietários do jornal, além da própria publicação, foram condenados a pagar uma indenização de 40 milhões de dólares. Os jornalistas foram ainda condenados, em julho de 2011, a três anos de prisão por difamar o presidente Rafael Correa. Um artigo de Palacio, "Não às mentiras", publicado em fevereiro de 2011, deu origem ao processo.

A decisão sobre o pedido de asilo para Palacio e sua família pode levar meses, explicou a EFE. O jornalista argumenta ser vítima assédio, perseguição e ameaças.

Dois dias antes, dois jornalistas foram condenados a pagar, cada um, um milhão de dólares de indenização por danos morais ao presidente. A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) considerou a pena "desproporcional ao suposto dano causado" e um duro golpe ao “jornalismo que fiscaliza".

A situação de Palacio e de outros jornalistas levou o Comitê para a Proteção dos Jornalistas a divulgar um relatório no qual criticam a situação da liberdade de imprensa no Equador durante o governo de Correa.



No comments

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.


Assine o boletim semanal

Receba nosso boletim semanal sobre jornalismo nas Américas.

Escolha seu idioma:

English
Español
Português

Por favor, digite seu e-mail:

Facebook

Comentários recentes