Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

CPJ comemora prisão de suspeitos de assassinar jornalista brasileiro



O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) celebrou a prisão dos cinco suspeitos de assassinar o jornalista comunitário, blogueiro e presidente do diretório local do Partido dos Trabalhadores no Rio Grande do Norte, Edinaldo Filgueira.

"Saudamos a prisão dos suspeitos do assassinato de Edinaldo Filgueira", declarou em nota o coordenador do CPJ para a América Latina, Carlos Lauría. "As autoridades brasileiras devem agora assegurar que todos os envolvidos no assassinato, incluindo seus autores intelectuais, sejam levados à justiça", completou.

Filgueira, 36, fundador e diretor do jornal local O Serrano, foi baleado e morto em 15 de junho no município de Serra do Mel. A polícia ainda busca informações sobre o mandante do crime.

Segundo o CPJ, a violência letal contra a imprensa tem estado em ascensão no Brasil este ano. A entidade citou os assassinatos dos jornalistas Valério Nascimento e Luciano Leitão Pedrosa e o atentato contra o blogueiro Ricardo Gama.

Outro dado destacado na nota é o retorno do Brasil ao Índice de Impunidade do CPJ devido à sua incapacidade de resolver o assassinato do jornalista investigativo Francisco Gomes de Medeiros, em outubro de 2010. “Embora as autoridades brasileiras tenham tido sucesso em processar assassinos de jornalistas, obtendo várias condenações nos últimos anos, o país ainda vê uma persistente violência contra a imprensa”, criticou a organização.




Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook