Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Editora mexicana ganha prêmio da Fundação Internacional de Mulheres na Mídia por sua coragem



A jornalista mexicana Adela Navarro Bello foi uma das ganhadoras dos Prêmios Valor Jornalístico, concedidos pela Fundação Internacional de Mulheres na Mídia (IWMF, na sigla em inglês) em reconhecimento às mulheres que arriscam suas vidas para noticiar a violência e outros fatos em seus países.

Navarro é editora do semanário Zeta, em Tijuana, e, há 21 anos, escreve sobre corrupção e narcotráfico na cidade fronteiriça. Por causa de seu trabalho, Navarro já recebeu ameaças de morte de cartéis mexicanos.

Navarro assumiu o cargo de editora do premiado semanário Zeta quando seu antecessor, Francisco Ortiz, foi morto a tiros. Navarro também já recebeu o Prêmio Liberdade de Imprensa Internacional do Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

“Em meu país... pode-se matar um repórter e nada vai acontecer," disse Navarro, segundo o Los Angeles Times.

Parisa Hafezi, chefe do escritório da agência Reuters no Irã, e Chiranuch Premchaiporn, editora do site de notícias Prachatai, da Tailândia, também foram premiadas pela IWMF.

Katie Adie, a primeira mulher a chefiar os correspondentes da BBC, foi reconhecida com o Prêmio Trajetória de Vida.

A seguir, veja um vídeo sobre os Prêmios Valor Jornalístico 2011, do ABC 7:




Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook