Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

Jornalista pode ser preso por não indenizar ex-prefeito no Equador




Um tribunal no Equador declarou culpado o jornalista Freddy Vidal Aponte por insolvência fraudulenta após não pagar uma indenização por danos morais ao ex-prefeito da cidade de Loja, ao sul de Quito, nesta terça-feira (27 de julho). A pena para esse delito é prisão de um a cinco anos, e o tribunal deve emitir a sentença nos próximos dias, segundo imprensa local.

Esse é o terceiro julgamento contra o jornalista Aponte, que em 2007 acusou o prefeito de Loja, José Bolívar Castillo, de apropriar-se de vários terrenos em seu programa da rádio. O ex-prefeito processou o jornalista por danos morais e Vidal teve de cumprir uma pena de 90 dias de prisão. Em seguida, exigiu-se que o jornalista pagasse uma indenização de $ 55.000. Em 2009, o advogado de Bolívar Castillo apresentou a ação de insolvência fraudulenta contra o jornalista. Em setembro de 2010, a conta bancária de Vidal Aponte foi bloqueada.

O advogado de Aponte, Adolfo Moreno Bravo, disse à organização Fundamedios que
os requerentes da ação não apresentavam provas relevantes
contra seu cliente e que interviria com recursos de anulação e apelação após a notificação de sentença.

Veja, abaixo, um vídeo do veredito judicial do Segundo Tribunal de Garantias Penais de Loja contra o jornalista.




Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook