Knight Center
Knight Center

Blog JORNALISMO NAS AMERICAS

México cria procuradoria especial para crimes contra a liberdade de expressão



A Procuradoria-Geral da República (PGR) do México decidiu reestruturar a Promotoria Especial em Atenção a Crimes contra Jornalistas, que irá se concentrar agora em crimes contra jornalistas atacados por fazerem seu trabalho, relatou o El Universal e a EFE.

A nova Procuradoria Especial em Atenção a Crimes cometidos contra a Liberdade de Expressão vai dirigir, coordenar e supervisionar as investigações e, em seu caso, acusar crimes cometidos contra aqueles envolvidos na atividade jornalística, informou La Jornada. Ao contrário de sua antecessora, a nova unidade irá atrair as investigações iniciadas por procuradorias estatais.

O México é um dos países mais perigosos para a prática do jornalismo. 89 por cento dos assassinatos de jornalistas permanecem impunes. Em três anos e meio, a acusação de tais crimes apresentou ações penais em menos de 5% dos casos investigados. A ONG Articulo 19 afirmou que a criação da nova unidade é insuficiente por seguir o mesmo regulamento que impediu o atendimento eficaz dos casos investigados pela antiga instituição.


Other Related Headlines:
» Comissão de direitos humanos do México considera medidas para proteger jornalistas (Centro Knight)


Assine nossa newsletter semanal “Jornalismo nas Américas”

Boletim Semanal (Português)
Boletín Semanal (Español)
Weekly Newsletter (English)
 
Marketing by ActiveCampaign

Facebook