Knight Center
Knight Center

Blog de Carolina de Assis

hospedado em JORNALISMO NAS AMERICAS

Carolina de Assis é uma jornalista brasileira que vive em São Paulo. É mestra em Estudos da Mulher e de Gênero pelo programa GEMMA – Università di Bologna (Itália) / Universiteit Utrecht (Holanda). Trabalhou como editora no site de notícias internacionais Opera Mundi e se interessa especialmente por iniciativas jornalísticas que promovam os direitos humanos e a justiça de gênero. Você pode encontrá-la no Twitter em @caroldeassis.

imagem de Carolina de Assis

Recent Blog Posts:

Mensagem com suposta ameaça a jornalistas é deixada diante de jornal hondurenho um mês após ataque contra diretor de periódico

Funcionários do El Libertador encontraram em frente à sede do jornal hondurenho no dia 21 de setembro uma mensagem com uma suposta ameaça aos jornalistas que trabalham no periódico, que fica em Tegucigalpa, capital de Honduras. Leia mais »


Site peruano de jornalismo investigativo lança iniciativa para promover uso da lei de transparência entre estudantes

Em seus dois anos de existência, o site peruano Convoca produziu reportagens investigativas com base na lei de transparência e acesso à informação que foram premiadas internacionalmente e até motivaram uma mudança legislativa no Peru. Agora, o Convoca vai usar sua experiência para ajudar a formar as próximas gerações de jornalistas investigativos fiscalizadores do poder público no país. Leia mais »


Jornalista boliviana entrega denúncia de assédio contra ex-gerente de TV estatal ao presidente Evo Morales

A jornalista boliviana Yadira Peláez decidiu agir por conta própria ao sentir que a investigação sobre uma denúncia de assédio sexual que apresentou há sete meses estava sendo boicotada pelas autoridades.

Em 12 de setembro, durante um ato público em Sacaba, no departamento de Cochabamba, Peláez entregou ao presidente do país, Evo Morales, um envelope contendo detalhes de sua acusação de assédio sexual contra Carlos Flores, ex-gerente da estatal Bolivia TV. Leia mais »


Rede brasileira de comunicadores realiza evento para debater jornalismo desde a periferia

A Rede de Jornalistas da Periferia realiza em São Paulo no dia 16 de setembro a Virada Comunicação 2017, um evento paraLeia mais »


Site brasileiro está sob censura por decisão judicial e pode sair do ar por noticiar investigação de corrupção

O Portal 180graus, site jornalístico do Piauí, no nordeste do Brasil, está sob censura desde o fim de agosto, quando a Justiça atendeu ao pedido de um empresário investigado em suposto esquema de corrupção noticiado pela publicação. Leia mais »


Pesquisadores lançam atlas para mapear o jornalismo local e os "desertos de notícias" no Brasil

Concentrada no eixo São Paulo – Rio de Janeiro – Brasília, a grande imprensa brasileira acaba informando toda a população do país sobre o que acontece nestes lugares. Mas como as pessoas que vivem em cidades pequenas e médias do Brasil se informam sobre o que acontece na sua região? Leia mais »


Iniciativas brasileiras buscam aumentar diversidade racial e de gênero das fontes jornalísticas

Uma série de iniciativas surgidas no Brasil nos últimos anos têm buscado aumentar a presença de mulheres e pessoas negras como fontes jornalísticas. A intenção é trazer mais diversidade para o debate público e transformar a representação desses grupos sociais nos meios de comunicação, que majoritariamente escolhem homens brancos para figurar como especialistas e vozes de autoridade nas histórias que veiculam. Leia mais »


Diretor do jornal hondurenho El Libertador e sua esposa sobrevivem a ataque a tiros em Tegucigalpa

O casal de jornalistas hondurenhos Johnny Lagos e Lurbin Yadira Cerrato, do jornal El Libertador, foram alvo de um ataque a tiros no dia 24 de agosto, em Tegucigalpa, capital do país.

Lagos, diretor do jornal, e sua esposa foram atacados após sair da sede do El Libertador, no bairro de Palermo, região leste da capital hondurenha, na noite de quinta-feira, segundo reportou a Associated Press (AP). Leia mais »


Justiça do Peru decide a favor de jornalista demitida por se negar a ler anúncios publicitários durante telejornal

A Justiça do Peru decidiu a favor da jornalista Perla Berríos em um processo sobre o assédio moral sofrido pela profissional enquanto trabalhava na emissora Latina, segundo reportou no dia 17 de agosto a revista peruana Caretas.

De acordo com a jornalista, ela foi demitida por se recusar a ler anúncios publicitários entre as notícias, o que também motivou o período de assédio moral no trabalho, reconhecido pela Justiça peruana. Leia mais »







Assine aqui a nossa newsletter semanal!

Nome Completo

Email *
Selecione as listas que deseja subscrever
Boletim Semanal (Português)

Boletín Semanal (Español)

Weekly Newsletter (English)
email marketing
by activecampaign

Facebook