texas-moody

Blog

knight-center-journalism

Retrospectiva 2021: Centro Knight atingiu 29 mil alunos, publicou dois ebooks, teve 7.300 inscritos para o ISOJ e muito mais

Em 2021, o Centro Knight alcançou mais jornalistas do que nunca por meio de seu programa de ensino à distância, seu Simpósio Internacional de Jornalismo Online (ISOJ), sua revista de notícias trilíngue, webinars e vários outros programas.

Fomos rápidos em responder às necessidades dos jornalistas em 2021, especialmente quando se tratava de treinar profissionais sobre como melhor compreender e cobrir a pandemia em constante evolução e sobre como combater a desinformação relacionada à COVID-19 e às vacinas. Também realizamos o ISOJ totalmente online pelo segundo ano consecutivo e alcançamos nosso maior público até então. Além disso, realizamos a primeira conferência sobre diversidade na América Latina e lançamos um ebook sobre o tema.

Com o ano chegando perto do fim, refletimos sobre essas atividades e muito mais, pensando em como continuaremos treinando e apoiando jornalistas de todo o mundo em 2022.

Aqui estão alguns dos destaques do nosso trabalho em 2021:

JOURNALISM COURSES

JC graphic-3Em 2021, alcançamos um marco importante: nossos cursos online massivos atingiram mais de 250 mil alunos de 200 países e territórios desde 2012. Para comemorar esse marco, coletamos depoimentos de estudantes de todo o mundo que contam como os cursos do Centro Knight tiveram um impacto profundo em seu desenvolvimento profissional.

Só no ano passado, o Centro Knight ofereceu 18 cursos online que atingiram mais de 29.500 alunos de 178 países. Os cursos foram ministrados por jornalistas renomados que compartilharam seus conhecimentos sobre temas como narrativas em áudio digital, jornalismo de dados, investigações digitais, estratégias de newsletters, diversidade em notícias e redações, desinformação e fact-checking, product thinking e muito mais. Trabalhamos com várias organizações que ajudaram a tornar esses cursos possíveis, incluindo John S. and James L. Knight Foundation, Google News Initiative, UNESCO, o Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas, Microsoft, o Instituto Serrapilheira e a International Women’s Media Foundation.

Em alguns casos, nossos cursos estavam ligados a eventos e publicações de ebooks. Assim como em 2020, respondemos rapidamente às necessidades dos jornalistas durante a pandemia, oferecendo um webinar e MOOC com o mesmo nome: “Cobertura da vacina COVID-19: o que os jornalistas precisam saber”. Ambos foram realizados em parceria com a UNESCO, a Organização Mundial da Saúde e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, e cofinanciados pela União Europeia.

O webinar atraiu mais de 2.500 inscritos de todo o mundo e contou com jornalistas, virologistas e especialistas médicos que falaram sobre as melhores práticas para cobrir as vacinas, com foco na ciência por trás das vacinas e a sua distribuição. O webinar foi realizado ao vivo em cinco idiomas e as gravações do webinar estão disponíveis em 13 idiomas: árabe, bambara, chinês, dari, inglês, francês, guarani, hindi, pashto, português, russo, espanhol e wolof.

Após o webinar, realizamos um MOOC sobre o mesmo tema em inglês, espanhol, português e francês, que atraiu 4.410 alunos de 160 países. O curso –ministrado pela jornalista americana de ciência e saúde Maryn McKenna– apresentou vídeos dos chefes da Organização Mundial da Saúde, da UNESCOe do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, bem como palestras com especialistas médicos e jornalistas importantes que cobrem a COVID-19 . Versões autodirigidas desses quatro cursos estão disponíveis em seis idiomas: inglês, espanhol, português, francês, russo, e guarani, e outras estão a caminho.

No ano passado, também realizamos um MOOC em espanhol sobre diversidade nas notícias e nas redações, patrocinado pela Google News Initiative. O MOOC, ministrado pelo jornalista e acadêmico peruano Marco Avilés, atraiu 1.920 alunos de 50 países. O curso forneceu estratégias sobre como diversificar as redações e mostrou ferramentas para reconhecer preconceitos e estereótipos raciais na cobertura.

Diversity E BookApós o MOOC, realizamos a primeira conferência latino-americana sobre diversidade, equidade e inclusão (DEI) no jornalismo. O evento, também patrocinado pela Google News Initiative, contou com 19 palestrantes que abordaram quatro tópicos principais: gênero, orientação sexual, raça/etnia e deficiência. Os palestrantes apresentaram boas práticas e dicas práticas que complementaram as aulas do MOOC. Cada sessão foi transmitida ao vivo pelo YouTube, e as gravações estão disponíveis na página do Centro Knight no YouTube para quem quiser ver. Logo após o evento, publicamos um ebook em espanhol, “Diversidade no Jornalismo Latino-Americano”, que foi anunciado durante a conferência anual da National Association of Hispanic Journalists (NAHJ).

Também entre os nossos cursos de 2021, fizemos um MOOC de jornalismo científico em português, ministrado pelo jornalista científico Thiago Medaglia. O curso, financiado pelo Instituto Serapilheira, atraiu 2.378 alunos de 36 países e deu dicas práticas e orientações sobre como jornalistas podem melhorar sua cobertura da pandemia, crise climática e muito mais. Paralelamente ao projeto do MOOC, e em coordenação com o Serrapilheira, o Centro Knight publicou também a tradução para o português do Manual de Edição em Jornalismo Científico do Knight Science Journalism. O manual, que é um produto da Knight Science Journalism (KSJ) Fellowship do Massachusetts Institute of Technology, apresenta capítulos escritos por renomados editores de ciência e jornalistas e fornece recursos para edição e sobre como fazer reportagens em jornalismo científico. O manual está disponível na biblioteca digital do Centro Knight em JournalismCourses.org.

Temos vários novos cursos programados para 2022, incluindo alguns sobre jornalismo ao vivo, jornalismo empreendedor, fotogrametria e muito mais. Também estamos planejando outro webinar com o objetivo de ajudar os jornalistas a cobrir os últimos acontecimentos relacionados à COVID-19, agendado para 27 de janeiro de 2022. Recomendamos que você visite o site JournalismCourses.org nas próximas semanas para mais informações. Também te convidamos a conferir nossos 45 cursos autodirigidos, que você pode acessar gratuitamente a qualquer momento.

SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE JORNALISMO ONLINE (ISOJ)

GRAPHICS FOR YEAR IN REVIEWPela segunda vez em nossos 22 anos de história, realizamos o ISOJ totalmente online devido à pandemia. O ISOJ 2021 foi uma conferência virtual de cinco dias que acabou se tornando a maior edição até então, atraindo 7.300 inscritos de 154 países. O ISOJ também foi transmitido ao vivo em nosso canal do YouTube, e as gravações do YouTube foram vistas mais de 8.500 vezes em inglês e em espanhol.

O ISOJ 2021 teve 20 mesas, painéis e workshops diferentes com 87 palestrantes de 13 países. Aqui estão alguns dos palestrantes que se juntaram a nós:

  • Marty Baron, o ex-editor-executivo do The Washington Post
  • Emilio Garcia-Ruiz, editor-chefe do San Francisco Chronicle
  • Darryl Holiday, diretor do news lab e cofundador, City Bureau
  • Carlos Eduardo Huertas, diretor, Connectas
  • Alberto Ibargüen, presidente & CEO do Knight Foundation
  • Kathleen Kingsbury, editora de opinião, The New York Times
  • Mitra Kalita, cofundadora, URL Media
  • Anna Palmer e Jake Sherman, cofundadores do Punchbowl News
  • A.G. Sulzberger, presidente e editor do The New York Times
  • Katharine Viner, editora-chefe, The Guardian
  • Lauren Williams e Akoto Ofori-Atta, cofundadores, Capital B
  • Brandy Zadrozny, repórter especial e investigativo, NBC News
  • Amanda Zamora, cofundadora e editora, The 19th

Durante o ISOJ Online, lançamos o 11º volume do #ISOJ Journal, a publicação oficial que faz parte do componente de pesquisa da conferência. Ao contrário dos periódicos acadêmicos tradicionais, que geralmente levam um ou dois anos para publicar artigos revisados por pares, o #ISOJ Journal está disponível todos os anos na conferência anual.

O jornal deste ano, disponível aqui online, lançou um olhar especial para a evolução do jornalismo online hoje: de algoritmos a sites de notícias zumbis. Os seis artigos incluídos nesta edição foram selecionados, por revisão cega, no concurso de artigos 2021 ISOJ e apresentados no evento.

Esperamos que você marque na sua agenda a data do ISOJ 2022, que será realizado de 1 a 2 de abril de 2022. Estamos planejando realizá-lo pessoalmente e online (desde que seja seguro o suficiente para fazê-lo), e as inscrições vão ser abertas em janeiro em isoj.org.

COLÓQUIO IBÉRICO-AMERICANO DE JORNALISMO DIGITAL

javier moreno

Rosental Alves e Javier Moreno no 14º Colóquio Ibero-Americano de Jornalismo Digital

Transformamos nosso 14º Colóquio Ibero-Americano de Jornalismo Digital em um evento online pelo segundo ano consecutivo. O Colóquio deste ano atraiu nosso maior público até agora: 1.427 inscritos de 47 países. O evento, que foi patrocinado pela Google News Initiative, contou com 33 palestrantes e sete mesas voltadas para jornalistas ibero-americanos.

O evento começou com uma palestra de Javier Moreno, editor-chefe do El Pais. Pela primeira vez, realizamos o Colóquio não apenas em espanhol, mas também em português, tornando-o mais acessível do que nunca. O evento também foi transmitido em espanhol e português pelo YouTube. Os vídeos foram vistos mais de 3.000 vezes.

Em 2021, o Centro Knight também realizou outra programação voltada especificamente para a América Latina, incluindo o evento DEI já mencionado e um webinar intitulado “Jornalismo em tempos de polarização e desinformação na América Latina”. O webinar, realizado em inglês, espanhol e português em parceria com a LLILAS Benson Latin American Studies and Collections, atraiu 1.185 inscritos de mais de 30 países. O evento contou com 15 palestrantes que discutiram desafios para os jornalistas que se tornam alvos em sociedades polarizadas, como jornalistas na América Latina têm reagido a ondas de desinformação, assim como o papel da imprensa na defesa da democracia e da liberdade de expressão.

LATAM JOURNALISM REVIEW

LJR screenshotEm 2021, o Centro Knight continuou a expandir a sua revista trilíngue de notícias, LatAm Journalism Review, que foi lançada em 2020 e construída a partir do blog Journalism in the Americas, de 17 anos, do Knight Center. A LJR é uma publicação única e de referência sobre jornalismo na América Latina e no Caribe, e apresenta reportagens originais e profundas sobre liberdade de imprensa e inovações no jornalismo na América Latina e no Caribe. O site também conta com o News Monitor – uma compilação das notícias mais importantes relacionadas ao jornalismo e à liberdade de imprensa publicadas por meios de comunicação da América Latina e do Caribe.

No ano passado, a LJR publicou 240 histórias originais (um total de 720 artigos, se contadas as traduções para o inglês, espanhol e português). E neste mês o site lançou uma nova série sobre segurança de jornalistas na América Latina e Caribe, com apoio do Fundo Global de Defesa da Mídia da UNESCO.

Veja algumas das histórias mais interessantes e importantes que a equipe da LJR publicou em 2021:

  1. 'Na Guatemala, não há freios e contrapesos institucionais’, diz jornalista José Rubén Zamora após denúncia de perseguição
  2. Megainvestigação colaborativa ‘Pandora Papers’ aumenta a relevância de meios pequenos e independentes na América Latina
  3. Corte IDH condena Colômbia pelo caso de sequestro, tortura e violência sexual contra jornalista Jineth Bedoya Lima
  4. Jornalistas brasileiros lançam agência de dados local, em região do país com alta concentração de desertos de notícias
  5. Alerta em El Salvador, onde aumentam a violência e discursos estigmatizantes contra jornalistas
  6. Jornalistas que deixaram veículo peruano após crise jornalística criam seu próprio site de notícias com foco em vídeo
  7. FLIP da Colômbia cria novo meio para preencher 'desertos de informação' com conteúdo local de comunicadores locais
  8. Como uma agência de jornalismo especializada na Lei de Acesso à Informação conseguiu liberar 27 anos de pagamentos de pensões no Brasil
  9. Por que tão sério? Jornalistas latino-americanos exploram o popular aplicativo de compartilhamento de vídeos TikTok para atrair jovens leitores
  10. Nicarágua completa três anos em crise, e jornalistas contam como é trabalhar sob repressão do regime

Esperamos que você visite o nosso site, latamjournalismreview.org, para mais reportagens em 2022 e que você se inscreva na nossa newsletter semanal trilíngue.

****

A missão do Centro Knight de servir aos jornalistas nunca foi tão importante, em meio à pandemia de COVID-19, às crescentes ameaças à liberdade de imprensa e à necessidade de treinamento gratuito e acessível.

O nosso trabalho não seria possível sem o apoio generoso de nossos financiadores, parceiros e pessoas como você. Esperamos que você considere nos apoiar para que possamos continuar oferecendo treinamento e eventos gratuitos e de baixo custo para jornalistas de todo o mundo em 2022. Se você estiver interessado em fazer uma doação para o Centro Knight, (que pode ser deduzida do imposto para residentes nos EUA), você pode fazer isso aqui.

Somos gratos à comunidade do Centro Knight e esperamos continuar ao seu lado no próximo ano!

Assine nossos boletins

Inscrever-se