texas-moody

Blog

knight-center-journalism

Webinar multilíngue e curso autodirigido gratuito ajudam mulheres jornalistas e aliados a combater ameaças e violência

Em um estudo encomendado pela UNESCO, 73% das mulheres jornalistas entrevistadas relataram ter sofrido violência online. Um quarto disse ter recebido ameaças de violência física.

Webinar Cómo informar de manera seguraPara ajudar a aumentar a conscientização sobre as ameaças que as mulheres jornalistas enfrentam em todo o mundo e promover soluções concretas, o Centro Knight, a International Women's Media Foundation (IWMF) e a UNESCO estão organizando em conjunto um webinar gratuito e multilíngue no Dia Internacional das Mulheres, 8 de março, às 10h (horário central dos EUA).

O webinar How to Report Safely - Resources for Women Journalists, Newsrooms and Allies” (“Como reportar com segurança - recursos para mulheres jornalistas, redações e aliados”) será uma discussão entre jornalistas, instrutores de segurança e representantes de redações sobre os tipos de ameaças enfrentadas por mulheres jornalistas e a urgência em enfrentá-las. Elas também fornecerão instrumentos específicos para promover um ambiente de trabalho mais seguro para mulheres jornalistas e profissionais da mídia.

A discussão será interpretada simultaneamente em inglês, espanhol e francês. A inscrição via Zoom é necessária, então inscreva-se agora!

“Em todo o mundo, mulheres jornalistas estão enfrentando uma avalanche de misoginia e intimidação, destinada a silenciar suas reportagens e minar a confiança no jornalismo”, disse Guilherme Canela de Souza Godoi, chefe da seção Liberdade de Expressão e Segurança de Jornalistas da UNESCO e palestrante do webinar. “A segurança das mulheres jornalistas é uma preocupação de liberdade de expressão para todos nós, e temos a responsabilidade de garantir que suas vozes sejam ouvidas em alto e bom som. É por isso que a UNESCO e seus parceiros trabalham para desenvolver instrumentos concretos que redações, jornalistas e outras partes interessadas possam utilizar para garantir que as mulheres jornalistas possam reportar com segurança.”

Confira a lista de palestrantes:

  • Nadine Hoffman, vice-diretora, International Women’s Media Foundation (IWMF)
  • Guilherme Canela, chefe da seção de liberdade de expressão e segurança de jornalistas, UNESCO
  • Prof. Rosental Alves, Cátedra UNESCO em Comunicação e Cátedra Knight em Jornalismo na Escola de Jornalismo da Faculdade de Comunicação Moody da Universidade do Texas em Austin
  • Alison Baskerville, fotógrafa e instrutora de segurança jornalística, instrutora do curso
  • Sandra Chaher, diretora, Comunicación para la Igualdad , instrutora do curso
  • Elodie Vialle, consultora de segurança jornalística, instrutora do curso
  • Tatiana Mossot, jornalista, fundadora do Projeto MaMa
  • Patricia Mayorga Ordoñez, jornalista investigativa
  • Yemile Bucay, gerente de risco e segurança, Buzzfeed

Organizações de mídia, escolas de jornalismo, gerentes de redação, jornalistas e outros membros interessados ​​do público estão convidados a se inscrever no webinar.

Em conjunto com a discussão de 8 de março, a UNESCO, a IWMF e o Centro Knight estão lançando cursos autodirigidos em francês espanhol intitulados “Como reportar com segurança: estratégias para mulheres jornalistas e seus aliados”. Essas versões se juntam a um curso autodirigido em inglês já na plataforma de aprendizado JournalismCourses.org do Centro Knight. Eles podem ser realizados a qualquer momento, por qualquer pessoa ao redor do mundo. Cada um possui quatro módulos com videoaulas e transcrições, além de leituras e outros recursos.

“Mulheres jornalistas enfrentam inúmeras ameaças online e offline não apenas por causa de seus empregos, mas por causa de sua identidade de gênero”, disse Nadine Hoffman, vice-diretora da IWMF e palestrante do webinar. “A UNESCO, a IWMF e o Centro Knight da UT Austin colaboraram para desenvolver cursos de segurança abordando especificamente esses riscos. Queremos que as mulheres repórteres sintam que podem assumir o controle de sua segurança, com dicas práticas e estratégias para se manterem seguras em coberturas, online e até dentro de suas redações.”

Este webinar e os novos cursos autodirigidos baseiam-se em um curso online aberto massivo (MOOC) anterior em inglês. Ministrado por Alison Baskerville, foi lançado em maio de 2021 e atraiu mais de 1.200 alunos de 121 países. Os cursos autodirigidos foram criados com material deste MOOC.

“Estamos muito felizes em colaborar com a UNESCO e a IWMF neste importante evento e no lançamento de nossos dois novos cursos de espanhol e francês destinados a ajudar mulheres jornalistas e seus aliados a reportar com segurança”, disse Mallary Tenore, diretora associada do Centro Knight. “Esperamos que o webinar promova discussões envolventes sobre como reportar com segurança e que as jornalistas tenham novas ideias e recursos que possam implementar em seu próprio trabalho e redações.”

Junte-se a nós para marcar o Dia Internacional das Mulheres, chamando a atenção para o trabalho das mulheres jornalistas e os desafios que elas enfrentam para realizar seu trabalho. Inscreva-se no webinar agora.

Assine nossos boletins

Inscrever-se