texas-moody

Blog

knight-center-journalism

Retrospectiva do ano do Knight Center: em 2019, 30.000 estudantes em nossos cursos on-line, 20 anos da ISOJ e muito mais

No ano passado, o Knight Center atendeu milhares de jornalistas de todo o mundo através de uma mistura de cursos, eventos, publicações e cobertura de notícias. 

Em 2019, alcançamos mais de 30.000 estudantes de 160 países por meio de nosso programa pioneiro de ensino a distância; reunimos 450 jornalistas de 43 países durante o 20º aniversário do nosso Simpósio Internacional de Jornalismo Online (ISOJ); e publicamos quase 900 matérias sobre liberdade de imprensa e violência contra jornalistas na América Latina, além de histórias sobre inovação e colaborações da mídia em toda a região.

À medida que nos aproximamos do final do ano, convidamos você a relembrar as atividades do Centro Knight em 2019 e o que planejamos para 2020. 

CURSOS DE JORNALISMO

Em 2019, o Centro Knight ofereceu 12 cursos on-line que atingiram quase 31.000 alunos de mais de 160 países diferentes. Desde o lançamento de nossos cursos on-line massivos em 2012, alcançamos mais de 195.000 estudantes de 200 países e territórios. 

Data Journalism MOOC

Cartaz promocional do MOOC do Centro Knight oferecido em inglês, espanhol e português (Filipa Rodrigues)

Nossos cursos de 2019, oferecidos em inglês, espanhol e português, focaram-se em tópicos como gerenciamento de produtos, algoritmos de notícias, machine learning, engajamento do público e lidando com a desinformação. Eles foram ministrados por 25 especialistas, incluindo Becca Aaronson, da Chalkbeat; Alberto Cairo, da Universidade de Miami; John Keefe, do Quartz; Claire Wardle, do First Draft News; Simon Rogers, da Google News Initiative; e Alvaro Justen, da Escola de Dados do Brasil.

Muitos jornalistas nos contataram no ano passado para dizer como os cursos do Centro Knight influenciaram os seus trabalhos. Em alguns casos, os cursos provocaram mudanças nas redações. Um editor da Science News, por exemplo, participou de nosso curso de gerenciamento de produtos com seis de seus colegas e disse que as aulas os inspiraram a começar a ter reuniões semanais de reflexão sobre produtos. "Nós já começamos a trabalhar juntos como uma equipe de produtos, tentando definir estratégias e visão," ele nos disse logo após o término do curso. 

Muitos de nossos cursos foram resultado de colaborações com outras organizações. No primeiro semestre, por exemplo, trabalhamos com a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e o Relator Especial para a Liberdade de Expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) para oferecer um curso em espanhol para juízes e outros servidores do Poder Judiciário na América Latina. O curso ajudou 2.113 juízes e servidores a reforçar seu conhecimento sobre a estrutura jurídica internacional que rege a liberdade de expressão, o acesso à informação pública e a proteção dos jornalistas.

No segundo semestre, oferecemos nosso curso mais ambicioso até o momento: nosso primeiro curso trilíngue, "Jornalismo de dados e visualização com ferramentas gratuitas", em associação com a Google News Initiative. O curso foi oferecido em inglês, espanhol e português simultaneamente e atraiu quase 13.000 estudantes de 160 países. Nos próximos meses, adicionaremos os materiais deste curso à biblioteca de cursos do Centro Knight. Você pode ver nossa crescente biblioteca - que apresenta vídeos, leituras e outros materiais de nossos cursos - aqui.

Temos vários novos cursos alinhados para 2020, focados em tópicos como jornalismo investigativo na era digital, criação de newsletters eficazes e envolventes e ética no jornalismo de dados.

ISOJ

O Centro Knight comemorou o 20º aniversário do seu Simpósio Internacional de Jornalismo Online (ISOJ) em abril, atraindo 450 participantes de 43 países. Muitos outros seguiram o simpósio de longe por meio de nossa ampla cobertura on-line, incluindo streaming de vídeo ao vivo no YouTube. 

ISOJ 20th Cake

Comemoração dos 20 anos do ISOJ em 2019. (Erika Rich/ Centro Knight).

O simpósio, realizado anualmente na Universidade do Texas em Austin desde 1999, preenche a lacuna entre jornalistas profissionais, executivos de mídia, inovadores de notícias digitais e pesquisadores acadêmicos nos EUA e no exterior. Ao reunir uma variedade tão diversificada de participantes e palestrantes, oferecemos a jornalistas de todo o mundo a oportunidade de dialogar, explorar colaborações e compartilhar ideias sobre os últimos desenvolvimentos no jornalismo online.

Em seu vigésimo aniversário, a ISOJ atraiu um grupo diversificado de 80 palestrantes de 13 países. Dos oradores, 51% eram mulheres e 26% eram mulheres de minorias raciais. Aqui está um instantâneo de alguns dos palestrantes que se juntaram a nós:

  • Henry Blodget, cofundador, CEO e diretor editorial da Insider, Inc
  • Selymar Colón, vice-presidente e editora-chefe de notícias digitais da Univision
  • Clay Eltzroth, gerente de produto , Bloomberg
  • Lisa Gibbs, diretora de parcerias de notícias, Associated Press
  • Tony Haile, CEO, Scroll
  • Ling Jiang, cientista de dados sênior do Washington Post
  • Steve Lickteig, produtor executivo, podcasts e áudio, NBC News e MSNBC
  • Patricia Campos Mello, repórter e colunista, Folha de S. Paulo, Brasil
  • Cinthia Membreño, diretora de estratégia digital, Confidencial, Nicarágua
  • RyanNave, editor-chefe, Mississippi Today
  • Katie Sanders, editora-chefe da PolitiFact
  • John Thornton,investidor de risco, co-fundador do Texas Tribune e do American Journalism Project
  • Millie Tran, editora adjunta do New York Times
  • Emily Withrow, diretora do Quartz Bots Studio
  • Blanka Zöldi, jornalista, Direkt36, Hungria

Você pode ver uma lista completa dos nossos oradores aqui e pode visitar nosso arquivo ISOJ para assistir a vídeos e ler transcrições de todas as palestras sobre ISOJ desde 1999.

Nossos palestrantes de 2019 compartilharam sua experiência e conhecimentos sobre tópicos como a reconstrução da confiança na mídia; automação e o futuro da verificação de dados, assinaturas e associações, cobrindo um presidente on-line e sustentando o jornalismo local nos mercados digitais. Todas as palestras tiveram tradução simultânea para o espanhol, permitindo uma maior inclusão dos participantes da América Latina. 

O simpósio de 2019 também contou com acadêmicos que contribuíram para o componente de pesquisa da ISOJ, que existe desde 2014. Estudiosos de todo o mundo submeteram artigos a um processo de revisão às cegas e quatro vencedores apresentaram suas pesquisas no simpósio. Suas pesquisas, focada em mídia digital e democracia nas Américas, foram publicadas na edição de 2019 do #ISOJ, o jornal oficial do Simpósio Internacional de Jornalismo Online. 

Na preparação para a ISOJ, realizamos dois outros eventos: um Hackathon, em parceria com o Texas Tribune, e um workshop para mulheres líderes em jornalismo digital, em parceria com a Knight Foundation e a International Women's Media Foundation (IWMF). O Hackathon, focado em aumentar a confiança nas notícias, atraiu 70 jornalistas, desenvolvedores e designers da comunidade local de Austin e de 10 países: Brasil, Colômbia, Honduras, Líbano, México, Síria, Tajiquistão, Reino Unido, Estados Unidos, e Venezuela. Enquanto isso, o workshop da Fundação Knight-IWMF atraiu cerca de 70 participantes que exploraram como as mulheres podem desenvolver estratégias para lidar com o assédio online.

Além disso, realizamos nosso 12º Colóquio Ibérico Americano de Jornalismo Digital, um seminário em espanhol oferecido aos participantes da ISOJ da América Latina, Espanha e Portugal. O colóquio atraiu 125 jornalistas que se reuniram para discutir inovações de mídia digital na região, desafios da liberdade de imprensa e soluções para enfrentar esses desafios. 

O colóquio contou com várias conversas emocionantes com jornalistas que estão enfrentando questões de liberdade de imprensa em toda a região, incluindo um grupo de jornalistas da Nicarágua. Durante o painel, que ocorreu quase exatamente um ano desde o início dos protestos em massa na Nicarágua, jornalistas (e participantes) foram às lágrimas ao falar sobre ataques contra si mesmos, colegas e suas redações. No final do painel, os participantes do colóquio assinaram uma declaração na qual rejeitaram ataques à mídia na Nicarágua e exigiram a libertação de jornalistas presos. Meios de comunicação como La Prensa informaram sobre a declaração.

Esperamos que você se junte a nós na 21ª ISOJ anual, que será realizada de 24 a 25 de abril na Universidade do Texas em Austin, e no 13º Colóquio anual, que será realizado em 26 de abril. As inscrições serão abertas em janeiro e publicaremos atualizações relacionadas no isoj.org

BLOG JORNALISMO NAS AMÉRICAS

O blog trilíngue do Centro Knight, Jornalismo nas Américas, publicou quase 900 histórias em inglês, espanhol e português, durante o ano passado. As histórias se concentraram em questões relacionadas à liberdade de imprensa na América Latina, bem como as maneiras pelas quais os jornalistas estão adotando abordagens inovadoras para reportar e contar histórias. 

Aqui estão algumas das 10 manchetes mais lidas do ano passado: 

Over no ano passado, estivemos trabalhando em um redesenho do Jornalismo nas Américas, que se tornará um site de notícias on-line mais robusto, com reportagens originais aprofundadas sobre mídia na América Latina. No novo ano, lançaremos o novo site redesenhado, juntamente com um novo site institucional do Centro Knight e um novo site de Cursos de Jornalismo que contará com recursos de jornalismo digital e ofertas de cursos. 

SÉRIE DE PALESTRAS

Em 2019, o Centro Knight convidou vários palestrantes para o Moody College of Communication da Universidade do Texas em Austin para conversar sobre seu trabalho e compartilhar as lições aprendidas. As palestras foram abertas a estudantes e ao público em geral e contou com os seguintes sete palestrantes:  

  • Alfredo Corchadocorrespondente do Dallas Morning News no México
  • Angela Korchegacorrespondente de fronteira do Albuquerque Journal
  • Nicole Tungfotojornalista baseado em Istambul que cobre o Oriente Médio
  • John Thorntoninvestidor de risco e fundador do The Texas Tribune e do The American Journalism Project
  • Danielle Villasanafotojornalista baseada em Istambul
  • Brian Wintereditora da revista Americas Quarterly e ex-correspondente da Reuters na América Latina
  • Michelle Breyerjornalista e empresária, fundadora da Naturally Curly

Além de nossa série de palestras, realizamos um evento, “Mídia e democracia nos tempos da cólera digital e da polarização em na América Latina”, em colaboração com o Instituto de Estudos Latino-Americanos Teresa Lozano Long da Universidade do Texas em Austin. O evento contou com conversas com quatro jornalistas latino-americanos de destaque: 

Desde a esquerda: Gabriela Warkentin, Luz Mely Reyes, Leandro Demori, Pedro X. Molina e Rosental Alves. (Teresa Mioli / Centro Knight).

Coletivamente, eles compartilharam histórias sobre seu trabalho e como estão enfrentando desafios relacionados à polarização, censura e falta de liberdade de imprensa na América Latina.

BIBLIOTECA DIGITAL

Em 2019, adicionamos um novo relatório, "Clubes de membros do setor de notícias e além: o que a mídia pode aprender com outras iniciativas movidas por apoiadores", à  biblioteca digital do Centro Knight. O relatório de 45 páginas, disponível em inglês, espanhol e português, foi o resultado de uma colaboração entre o Centro Knight e o Membership Puzzle Project.

Membership Puzzle Project

O relatório, escrito por Emily Goligoski e Matt Thompson, analisa como organizações fora da mídia - como igrejas, centros de meditação, o Burning Man Festival e muito mais - estão encontrando maneiras criativas de construir, reter e aumentar a adesão. 

As cinco principais conclusões envolvem o foco nos valores dos membros, conectando-os a um objetivo maior, identificando soluções para problemas relacionados à associação, fornecendo uma gama de opções de suporte e crescendo em um ritmo estratégico.

********

Agradecemos aos nossos apoiadores que ajudaram a tornar nosso trabalho possível, incluindo a Fundação Knight, Open Society Foundations, Google News Initiative, Microsoft, Facebook, UNESCO, Escritório do Relator Especial para a Liberdade de Expressão da CIDH / OEA e muito mais. Não poderíamos realizar nosso trabalho se não fosse pelas fundações, organizações de mídia e indivíduos que os apoiam. Se você deseja mostrar seu apoio, pode fazer uma doação dedutível ao Knight Center aqui

Agradecemos à comunidade do Centro Knight e esperamos servi-la no novo ano. Esperamos que você se inscreva em nossos cursos, siga nosso blog, leia nossas publicações e se junte a nós na ISOJ em abril. Há muito o que esperar no próximo ano!

Assine nossos boletins

Inscrever-se